EUA fazem 2 milhões de detenções de migrantes na fronteira com o México em 1 ano pela primeira vez

No ano fiscal de 2021, foram realizadas mais de 1,7 milhão de detenções na fronteira

De acordo com dados disponibilizados pela Alfândega e Proteção de Fronteiras dos EUA (CBP), a Patrulha de Fronteira realizou 203.597 detenções de migrantes irregulares na fronteira com o México no mês de agosto. O mês também ficou marcado pela primeira vez em que os EUA ultrapassaram as 2 milhões de detenções em 1 ano.

Do total de migrantes apreendidos em agosto, a maior parte é originária do México (60.530). Em segundo lugar, vem os migrantes da Venezuela (25.349), seguidos pelos migrantes de Cuba (19.057). No total, foram apreendidos 2,1 milhões de pessoas apenas na fronteira com o México.

Em agosto, 5.750 migrantes brasileiros foram apreendidos tentando cruzar a fronteira sem documentos, um aumento leve comparando com o mês de julho, quando 5.503 brasileiros tentaram cruzar a fronteira.

Recentemente, os EUA anunciaram que poderão receber até 125.000 novos refugiados durante o ano fiscal de 2023, que inicia no dia 1º de outubro. Divididas por região, foram estabelecidas 15.000 admissões para a América Latina e Caribe, 40.000 para a África, 15.000 para o Leste Asiático, 35.000 para o Oriente Médio e Sul da Ásia e 15.000 para a Europa e Ásia Central. Outras 5.000 admissões permanecem não atribuídas e podem ser dadas para pessoas de qualquer região.

Até o dia 31 de agosto, os Estados Unidos haviam admitido cerca de 19.900 refugiados, ficando longe da meta de 125.000. No entanto, o governo americano admitiu, durante o ano fiscal de 2022, centenas de afegãos e ucranianos por meio de outras medidas legais, que não são contabilizadas no total final de refugiados.

No ano fiscal de 2021, quando foram totalizadas 1,7 milhão de detenções na fronteira com o México, quase 210.000 pessoas foram apreendidas no mês de agosto, sendo a maioria cidadãos mexicanos.

Por Amanda Almeida, da Equipe de Comunicação Virtual

Compartilhe esta informação. É muito importante.

As pessoas também estão lendo:

AGENDA DE PUBLICAÇÕES
outubro 2022
S T Q Q S S D
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Irmãs Scalabrinianas

Estão presentes em muitos países do mundo.
Para melhor exercer sua missão, a Congregação divide-se em províncias/regiões de missão.
 
Nestes espaços, as irmãs se dedicam à missão que aceitaram realizar, comprometendo-se com a vida, especialmente dos que mais sofrem, dos migrantes, dos refugiados.
 
São mulheres que escolheram seguir o chamado de Deus, confiando-lhes uma linda e importante missão na igreja.

Siga-nos

Mais recentes no site

Conheça o trabalho das Irmãs Scalabrinianas com migrantes e refugiados