Mensagem do Papa para o 108º Dia Mundial do Migrante e do Refugiado exalta a inclusão

No texto Francisco ressalta a necessidade de valorização do que migrantes e refugiados trazem para a sociedade

Foi divulgada na quinta-feira, 12, a mensagem do Papa Francisco para o 108º Dia Mundial do Migrante e do Refugiado. A data será celebrada no dia 25 de setembro, com o tema “Construir o futuro com os migrantes e os refugiados”. No texto, Francisco exalta a necessidade de uma maior inclusão dos migrantes e refugiados na sociedade, enfatizando a riqueza cultural que carregam consigo.

No texto, o pontífice ressalta a necessidade da inclusão, afirmando que no plano divino estão presentes essencialmente os habitantes das chamadas periferias existenciais, entre eles os migrantes, refugiados e vítimas do tráfico humano. “A construção do Reino de Deus é feita com eles, porque, sem eles, não seria o Reino que Deus quer. A inclusão das pessoas mais vulneráveis é condição necessária para se obter nele plena cidadania”, afirma Francisco.

De acordo com o escrito por Francisco, para se construir o futuro com os migrantes e refugiados é necessário saber reconhecer e valorizar tudo o que estes podem oferecer ao processo de construção, assim como é observado em uma visão profética de Isaías, na qual os estrangeiros não são invasores, mas pessoas dispostas a ajudar.

O Papa enfatiza, ainda, que a presença de migrantes e refugiados na sociedade não é apenas um desafio, mas uma oportunidade de crescimento, por toda a riqueza que carregam consigo. “Graças a eles, temos a possibilidade de conhecer melhor o mundo e a beleza da sua variedade. Podemos amadurecer em humanidade e, juntos, construir um ‘nós’ maior”, ressalta.

Francisco encerra a mensagem com um apelo de que todos, em especial os jovens, possam construir o futuro do mundo lado a lado com “nossos irmãos e irmãs migrantes e refugiados”. O pontífice ainda expressa a necessidade de que essas mudanças aconteçam rápido, reafirmando que as decisões para que estas aconteçam efetivamente devem ser tomadas agora “para que o desígnio de Deus sobre o mundo se possa realizar e venha o seu Reino de justiça, fraternidade e paz.”

Compartilhe esta informação. É muito importante.

As pessoas também estão lendo:

AGENDA DE PUBLICAÇÕES
dezembro 2022
S T Q Q S S D
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Irmãs Scalabrinianas

Estão presentes em muitos países do mundo.
Para melhor exercer sua missão, a Congregação divide-se em províncias/regiões de missão.
 
Nestes espaços, as irmãs se dedicam à missão que aceitaram realizar, comprometendo-se com a vida, especialmente dos que mais sofrem, dos migrantes, dos refugiados.
 
São mulheres que escolheram seguir o chamado de Deus, confiando-lhes uma linda e importante missão na igreja.

Siga-nos

Mais recentes no site

Conheça o trabalho das Irmãs Scalabrinianas com migrantes e refugiados