Quase 1.300 migrantes atravessaram o Canal da Mancha em um único dia

Número superou a maior taxa anterior para 2022, que era de 696 migrantes

Na segunda-feira, 22, o número de migrantes que atravessaram o Canal da Mancha em um único dia atingiu um novo recorde, com 1.295 travessias. Os migrantes viajavam em 27 embarcações diferentes. O recorde anterior para apenas um dia era de 1.185 pessoas, observado em 11 de novembro de 2021.

As travessias de segunda-feira superaram o, até então, maior número de chegadas diárias em 2022, que era de 696 pessoas, observado em 1º de agosto. Os últimos desembarques elevam para aproximadamente 22.670 o número de migrantes que cruzaram o Canal da Mancha em 2022. Em 2021, foram cerca de 12.500 chegadas no mesmo período.

Em julho, o Reino Unido teve maior número mensal de travessias do Canal da Mancha para 2022, quando desembarcaram 3.683 migrantes, que viajavam em 90 embarcações.

No ano passado, as autoridades do Reino Unido interceptaram e levaram para a costa 28.526 pessoas que tentavam atravessar o Canal da Mancha. Um relatório recente estima que o número pode chegar a 60.000 pessoas até o final de 2022.

Há poucos meses, o Governo britânico anunciou o envio de migrantes que entrarem ilegalmente no país para Ruanda, onde deverão aguardar respostas sobre seus pedidos de asilo, mas o primeiro voo foi cancelado no último minuto. A medida é considerada desumana e ilegal por organizações e instituições de caridade que apoiam os migrantes. O acordo atualmente está suspenso devido a processos nos tribunais britânicos.

Por Amanda Almeida, da Equipe de Comunicação Virtual

Compartilhe esta informação. É muito importante.

As pessoas também estão lendo:

AGENDA DE PUBLICAÇÕES
outubro 2022
S T Q Q S S D
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Irmãs Scalabrinianas

Estão presentes em muitos países do mundo.
Para melhor exercer sua missão, a Congregação divide-se em províncias/regiões de missão.
 
Nestes espaços, as irmãs se dedicam à missão que aceitaram realizar, comprometendo-se com a vida, especialmente dos que mais sofrem, dos migrantes, dos refugiados.
 
São mulheres que escolheram seguir o chamado de Deus, confiando-lhes uma linda e importante missão na igreja.

Siga-nos

Mais recentes no site

Conheça o trabalho das Irmãs Scalabrinianas com migrantes e refugiados